Skip to content

Perdido

August 23, 2010

Eu vivo me procurando, pois me perco; Eu vivo me achando, cada vez mais e mais diferente. Vivo em mudança constante, me apresentando pro meu novo ‘ eu ‘ na frente do espelho toda vez. Vezes essas as que nunca desejei. Vezes essas que talvez são necessárias, ou talvez, apenas acontecem; sem motivo e sem culpa.

A essência é a mesma, sempre foi, e acho que sempre será.

Acho, também, que preciso me achar de verdade, assim não vou me perder; Mas tenho medo. Medo de um dia não me achar; Medo de não me achar legal.

Advertisements
No comments yet

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: